EPISÓDIO DE ESPORTS NO SIMPSONS REPRESENTA MAIS DO QUE VOCÊ IMAGINA

A tradicional série animada anunciou que o episódio que irá ao ar neste domingo nos EUA será baseado no universo dos esports.

EPISÓDIO DE ESPORTS NO SIMPSONS REPRESENTA MAIS DO QUE VOCÊ IMAGINA

20th Century Fox

Na última quinta (14) Al Jean, showrunner do seriado animado The Simpsons, publicou em seu Twitter uma imagem mostrando que o episódio desta semana do desenho irá abordar os esports. Na trama, os personagens da série irão jogar um jogo fictício entitulado "Conflict of Enemies". Além de ser uma bela homenagem à indústria, o feito representa um marco e demonstra o poder do crescimento dos esports, sendo inserido em um dos meios mais populares da mídia mainstream

O episódio será chamado de "E My Sports", e contará a história do envolvimento de Bart Simpson, um dos protagonistas da série, com as competições de jogos eletrônicos e todo o seu universo. O jogo fictício usado no roteiro é bastante similar ao game League of Legends. Esse aspecto não é mera coincidência, uma vez que a própria Riot Games, desenvolvedora do LoL, participou como consultora na elaboração do episódio. 

Os produtores do seriado parecem de fato ter se importado com os detalhes para a representação dos esports na dramaturgia. Além de contar com o apoio de representantes da Riot, eles também consultaram outros membros do cenário, como David "Phreak" Turley, comentarista norte-americano de League of Legends.

Essa não é a primeira vez que a temática dos esports da as caras em outras mídias conhecidas "grande público". Recentemente a Netflix dedicou um episódio da série documental Reta Final para mostrar os bastidores do período final do campeonato norte-americano de League of Legends. Nos cinemas, tivemos a oportunidade de ver o documentário Em Busca da Vitória: O Caminho para o Six Invitational, que contou um pouco da história de três pro players de renome mundial, incluindo o brasileiro Leo "ziGueira" Duarte, da Team Liquid

Entrevista do eSports Brasil com Zigueira.

No final do ano passado, também tivemos o inverso acontecendo, quando o DJ e produtor musical norte-americano Marshmello promoveu um show exclusivo dentro do Fortnite, reunindo mais de 10 milhões de espectadores. A tendência é que os esports sigam nessa crescente, estabelencendo e ampliando sua própria indústria, mas também conquistando mais espaços de exposição em outros meios de entretenimento conhecidos das massas.