FIM DO DRAMA! VALVE BANE KUKU DO PRÓXIMO MAJOR

Jogador se envolveu em caso de racismo em partida pública. Ban não se extende aos demais campeonatos.

FIM DO DRAMA! VALVE BANE KUKU DO PRÓXIMO MAJOR

eSportsBR

A comunidade de Dota ficou movimentada nesta semana. Isso por conta do caso de racismo em que Carlo "Kuku" Palad, jogador da TNC Predator, protagonizou. O pro player utilizou um termo ofensivo direcionado aos chineses durante uma partida pública no jogo. Além de ser penalizado com uma multa equivalente a 50% de seus rendimentos, o jogador se pronunciou pedindo desculpas pelo ocorrido. Porém, a comunidade chinesa de Dota 2 ainda não havia perdoado a situação. Com o ocorrido, a Predator publicou em seu Twitter informações de davam a entender que o governo chinês poderia estar interferindo na participação do jogador na competição.

O jogador da Ninjas In Pyjamas, Peter "ppd" Dager, foi um dos primeiros da comunida a dar voz à discussão. O jogador já havia atraído os holofotes durante o caso de desclassificação da Test 123 para o Major de Chongqing. De acordo com o comunicado oficial da Valve, a organização estaria se aproveitando da situação para acobertar as consequências da atitude de Kuku

A Valve também deixou claro que espera que as organizações tenham uma postura mais "profissional" para a solção deste tipo de problema. Colocando fim nos boatos, a Valve decidiu oficializar o banimento do jogador para o próximo Major. A sanção não se extende aos próximos torneios da empresa. Além do ban, a TNC Predator ainda foi penalizada com a perda de 20% de seus pontos do DPC. 

A TNC Predator emitiu uma nota de desculpa via Twitter, informando que a situação está servindo como experiência para que eles se tornem uma organização cada vez melhor. O substituto do jogador para o torneio ainda não foi anunciado.