Escreva o que pretende procurar e pressione ENTER para iniciar a sua pesquisa!

eSports-logo-250x250
live-news-icon

Live News

CSGO: QUAL O FUTURO DO CAMPEONATO BRASILEIRO DE COUNTER STRIKE?

Imagem de: Reprodução

CS

CSGO: QUAL O FUTURO DO CAMPEONATO BRASILEIRO DE COUNTER STRIKE?

Com regime CLT, alta premiação e circuito fechado, torneio brasileiro gera dúvidas sobre seu desenvolvimento.

O Campeonato Brasileiro de Counter Strike (CBCS) foi apresentado como um dos maiores torneios nacionais do FPS da Valve. A competição promovida pelo Grupo Globo e a produtora DCSet Group tem como objetivo estabelecer um circuito de três temporadas anuais, sendo duas já em 2019.

Entretanto alguns tópicos a respeito do funcionamento da competição chamaram a atenção da comunidade. Com algumas opiniões divididas muitas personalidades do meio argumentaram sobre o formato, premiação, e o quão promissor este torneio pode ser. 


PRINCIPAIS ASPECTOS


O primeiro ponto a ser destacado é a regulamentação de piso salarial por meio do regime CLT (Consolidação de Leis do Trabalho). Com isso os 40 jogadores participantes do campeonato receberão no mínimo R$ 998,00 e terão acesso a direitos como 13° salário, férias remuneradas, FGTS, assistência médica, vale transporte, seguro desemprego, licença maternidade, entre outros benefícios. 


Isso mostra um amplo desenvolvimento e profissionalização do esports no Brasil, visto que, principalmente na modalidade de CSGO, a minoria das organizações oferecem esse tipo de recurso.


Outro fator considerável é a premiação. Anunciado com R$ 800 mil distribuídos em três temporadas ao ano, o CBCS tornou-se uma das maiores recompensas do esporte eletrônico no Brasil. O alto valor de premiação abre portas para novos investidores, o que possibilita maior progresso para o cenário brasileiro.

E por fim, a vaga para o StarSeries i-League Season 8 coloca mais uma oportunidade para as equipes disputarem eventos internacionais e adquirirem experiência em um nível de jogo mais avançado.


O StarSeries i-League é um campeonato internacional que conta com US$ 500 mil em premiação e as maiores equipes do mundo, que garantem vaga por meio de qualificatórias regionais. Na edição de 2019 (Season 7) o time ucraniano Natus Vincere foi o grande campeão.


PONTOS NEGATIVOS

De acordo com informações divulgadas pela organização do evento, as equipes participantes do circuito do CBCS estarão impossibilitadas de competir outros campeonatos nacionais, como a Gamers Club e a BBL, durante o período ativo da competição. Contudo os times estarão aptos a disputar qualificatórias que dão vaga para torneios internacionais. 


Essa restrição pode prejudicar o desempenho das equipes a longo prazo, já que, ao contrário dos torneios tradicionais de CSGO, o CBCS possui um formato extenso onde as equipes se enfrentam em momentos pontuais, diferente do modelo internacional do Counter Strike onde os campeonatos duram apenas dias, e possui, em algumas ocasiões, até três competições no mês. 


O INÍCIO


A abertura do Campeonato Brasileiro de CSGO acontece nesta quinta (25) às 13:00 (horário de brasília) na GameXP, no Rio de Janeiro. Os jogos terão transmissão nas plataformas online e no canal de televisão do SporTV.


TIMES

INTZ BR

Redemption

Imperial

Skullz (ex-PRG)

Black Dragons (equipe feminina)

Team Reapers

Uppercut

Notícias Relacionadas

NBA 2K League: Raptors Uprising GC quebra recorde de melhor início de temporada regular ao bater Heat e chegar a 11-0
CS 11-0 INÉDITO!

Raptors Uprising quebra recorde de 2019 do Mavs; veja como foi o Dia 1 da Semana 8 da NBA 2K League

NBA 2K League: Magic Gaming surpreende e bate Warriors Gaming Squad
CS WGS EM CRISE?

Duo da Flórida recuperado, Celtics zerado e Jazz embalado; veja como foi o Dia 4 da Semana 7 da NBA 2K League

NBA 2K League: em duelos emocionantes decididos por um ponto, Mavs Gaming vence Warriors Gaming Squad
CS FINAIS EMOCIONANTES

Mavs passa pelo Warriors Gaming Squad no melhor duelo da temporada; veja como foi o Dia 3 da Semana 7 da 2KL

Instagram

última imagem publicada no instagram por eSportsBR