Escreva o que pretende procurar e pressione ENTER para iniciar a sua pesquisa!

eSports-logo-250x250
live-news-icon

Live News

BOOSTING PASSA A SER CONSIDERADO CRIME E PODE RESULTAR EM PRISÃO NA COREIA DO SUL

Imagem de: Reprodução

BOOSTING PASSA A SER CONSIDERADO CRIME E PODE RESULTAR EM PRISÃO NA COREIA DO SUL

Prática de pagar alguém para subir o ranking nos jogos competitivos agora poder resultar em cadeia para os envolvidos.

Se você mora na Coreia do Sul e está pensando em contratar alguém para fazer boosting no seu ranking dos jogos competitivos, é melhor pensar duas vezes: a partir de 2019 a prática pode resultar em prisão. O projeto é uma emenda da Lei de Promoção da Indústria de Jogos do país. Além da prisão, a emenda diz que os envolvidos devem pagar multa de R$ 70 mil, caso seja comprovada culpa.

Tal prática já é passível de punição pelas desenvolvedoras de cada jogo, mas não é uma tarefa fácil de se identificar. O governo espera que a nova sanção ajude a inibir a prática no país. A lei deve entrar em vigor no praso de seis meses. 

Não é a primeira vez que a Coreia do Sul demonstra estar a frente do restante do mundo quando o assunto é levar os esportes eletrônicos a sério. Além de ser casa dos melhores jogadores do mundo em diversas modalidades, o país foi o primeiro a instituir canais de televisão 100% dedicados à esports, lá no começo dos anos 2000, quando não era possível nem sonhar com o sucesso que a modalidade tem hoje. 

Mesmo sendo algo proibido pelas desenvolvedoras, é muito fácil encontrar o serviço de boosting à venda na internet. No MercadoLivre, maior site de vendas online do Brasil, encontramos usuários oferencendo o serviço em todos os jogos (que possuem ranking) sem nenhum receio. Vale frisar que, além de ser contra as políticas dos games competitivos, a compra de boost ainda é perigosa, podendo fazer com que o comprador perca tanto o dinheiro "investido", quanto sua conta no jogo. 

Notícias Relacionadas

Narrador da LCS, Clayton Raines
eSports LOL: CLAYTON RAINES DORMIU, PERDEU LUGAR

A punição ocorreu devido ao narrador ter perdido a hora, não acordando para trabalhar

Faker, mid laner da SKT1, renova contrato com o time
eSports LOL: FAKER AGORA É DONO DA T1!

Ídolo da T1, Faker aceita continuar no time e vira um dos sócios do clube

Kalista no conto Os ecos deixados para trás
eSports NOVO QUADRO: LORE IMPORTA!

League of Legends é um jogo que possui um universo histórico imenso, que vale a pena ser notado

Instagram

última imagem publicada no instagram por eSportsBR